Prefeitura beneficiará 25 comunidades e assentamentos com perfuração de poços artesianos

Fonte: Da Assessoria | Publicado em: 17 de de 2018 às 14:15

Foto: Da Assessoria

Com o objetivo de proporcionar o acesso à água potável, melhorando a qualidade de vida e de saúde das famílias da zona rural, a Prefeitura de Rondonópolis em parceria com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) por meio do programa "Água para Todos" irá beneficiar 25 assentamentos e comunidades rurais com a perfuração de poços artesianos, sendo que 11 serão de realização imediata.

 

Para o produtor e presidente de piscicultura do Distrito da Boa Vista Aldenir Mesquita, a ação contribui significativamente para o aumento da produção e para a qualidade de vida das famílias.  

 

“É de grande importância para o homem do campo, até para a família fixar no local. Só de ter água potável na casa para que a pessoa tomar já é saúde para o campo, até porque a água lá é de cisterna ou de mina, então não é boa como a do poço artesiano. Então o poço é uma riqueza para a família do campo porque a maioria é de grota, ou água de cisterna,” destacou o produtor.

 

O prefeito de Rondonópolis Zé Carlos do Pátio destacou o compromisso de garantir condições básicas para a agricultura familiar.

 

“A Funasa vai perfurar os poços, colocar proteção e a prefeitura vai comprar os reservatórios e as bombas. Estamos investindo na agricultura familiar, já compramos caminhão de carroceria para transportar o produto, caminhão basculante para fazer as estradas, estamos comprando caminhonete para dar assistência técnica, colocando tubulação de água em assentamentos rurais. São vários investimentos, queremos fixar o homem no campo,” destacou o prefeito.

 

O representante da Funasa Luiz Antônio de Lima explicou como será o processo que garantirá mais qualidade e quantidade de água para a zona rural de Rondonópolis.

 

“O município já indicou para nós as comunidades que vamos começar a perfurar, os equipamentos já estão aqui, será uma média de cinco a sete dias a perfuração de cada poço, à medida que a gente vai perfurando nós vamos avançando para o próximo. Concomitante a isso, a nossa equipe de estudo geofísico irá às comunidades que serão beneficiadas com poços tubulares profundos, serão duas equipes atuando efetivamente,” ressaltou Luiz Antônio.

 

O secretário municipal de Agricultura e Pecuária Genilton Pereira destacou a importância do pequeno produtor rural. “Através de programa como esses vamos poder fixar o homem no campo, sabemos que mais de 75% da comida que está na mesa do cidadão vem da agricultura familiar,” mencionou Genilton. 

 

Conforme a Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária serão beneficiadas inicialmente com a perfuração de poços as comunidades de Vila Bueno, Volta Grande, Água Fria, Cidade de Pedra e os assentamentos Olga Benário, Dom Osório, Gleba Rio Vermelho, Selva de Pedra, Pau D’ Alho, São Francisco e Santa Luzia.

 

A perfuração ainda atenderá posteriormente mais 14 comunidades e assentamentos rurais, entre eles, a Cascata, João do Feiche, Dom Oscar Romero/Tietê, Naboreiro, Estiva, Grota Seca, Pinguela, Esperança, Vila Bueno (Linha Seca), Santo Antônio, comunidade indígena Tadarimana, entre outros.

Deixe seu Comentário

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

Veja Também